sábado, 1 de novembro de 2014

O CONTATO COM OUTRAS DIMENSÕES - O QUE VOCÊ PRECISA SABER





Novembro 01, 2014





















O CONTATO SE FAZ ENTRE SERES VIVOS



Antes de mais nada é preciso haver um esclarecimento sobre o contato com os habitantes de outras dimensões.



Os seres de dimensões mais elevadas são encarnados e possuem um corpo. É um corpo mais sutil e mais energético do que o nosso que vivemos em dimensões mais densas. Assim como o nosso corpo foi feito adaptado para nossa dimensão, os corpos dos habitantes de outras dimensões também foram feitos adaptados para aquelas dimensões.



Portanto, não estamos lidando com espíritos desencarnados como os que conhecemos aqui na 3 ª Dimensão. Eles estão vivos e não existem espíritos sem corpos nas dimensões mais elevadas. A única dimensão onde existem espíritos sem corpo perambulando é aqui na 3 ª Dimensão.



Isso é um conceito que você precisa entender antes de mais nada, pois que muitas pessoas têm receio do contato pelo fato de pensar que esses seres mais elevados vão incorporar nelas como fazem os espíritos desencarnados. 



NENHUM SER VIVO QUE POSSUI UM CORPO INCORPORA EM OUTRO CORPO EM DIMENSÃO NENHUMA. 



Desta forma, seguindo esse entendimento, não há porque ter receio de fazer contato, pois que esse contato se dá em sua plena consciência. Ou seja, ninguém fica inconsciente como ocorre na incorporação que tanto conhecemos aqui. Você não vai sair do seu corpo e mudar de corpo porque este corpo que você está é o seu templo, o seu veículo onde sua alma habita. Existe um elo entre seu corpo e sua alma que não se desfaz enquanto você permanecer em sua missão nesta vida. E não há contato com ninguém que vai quebrar esse elo alma e corpo.





O CONTATO PODE SER FEITO POR QUALQUER UM DE NÓS



Antes de 21 de dezembro de 2012, o acesso interdimensional somente poderia ser feito por  humanos que possuíam o 8º Chacra. As crianças que nasceram a partir da década de 80 para frente também possuem seu 8º Chacra formado. 



Depois desta data, foi concedido a todos os habitantes do nosso planeta o acesso ao 8º Chacra pelo Criador Primordial. Portanto, todos nós passamos a possuir o 8º Chacra, mesmo os nascidos antes da década de 1980.



As almas vindas de dimensões mais elevadas sempre encarnaram na Terra, mas nasciam em número muito pequeno. A partir de 1950 aumentaram um pouco as encarnações de almas vindas de dimensões mais elevadas que vieram com a missão de serem os primeiros a trabalhar nesse momento de transição planetária que estamos vivendo. O fato é que esses poucos humanos já nasciam com o 8º chacra que possibilitava o acesso interdimensional. 





SOBRE DIETA DE JEJUM E BEBIDAS OU CHÁS PARA FAZER CONTATO


Isso é muito importante.


Não precisa fazer jejum.


Não pode tomar bebidas, nem alcoólicas, ou tomar qualquer tipo de chá para fazer contato.


É preciso estar plenamente consciente para fazer o acesso interdimensional. Caso contrário, não haverá contato, mesmo porque os seres da Luz não gostam de fazer contato sem que estejamos plenamente conscientes.





O QUE É O EU SUPERIOR



A palavra Eu Superior  significa que dentro de todos nós existe um "Eu" (chamado de Eu Superior) que reflete as nossas mais belas qualidades. Faz parte desse Eu a nossa sabedoria, a nossa capacidade de amar, a nossa força, a nossa coragem, a nossa luz. É ele quem nos indica sabiamente a direção a tomar quando estamos perdidos, é ele quem nos encoraja a superar obstáculos e nos empurra com firmeza em direção à vida e ao crescimento. É ele que nos ajuda a acreditar em nós mesmos, a amar e a perdoar. E é esse mesmo Eu que temos internamente que percebe todas as energias, sejam ela densas ou sutis da ascensão.





FORMAS DE CONTATO:   A CANALIZAÇÃO E A COMUNICAÇÃO



Embora, muitas vezes, fomos direcionados a entender tais conceitos como ligados ao espiritualismo pelo jeito que  nos foi apresentado em nossa vida terrena, tais contatos com os habitantes de outras dimensões não estão ligados a qualquer a qualquer religião ou escola iniciática. 



Desta forma, uma pessoa pode nunca ter participado de nenhuma religião ou prática espiritualista e pode muito bem apresentar em sua vida algumas dessas situações naturalmente.





O QUE É A INCORPORAÇÃO, A CANALIZAÇÃO E A COMUNICAÇÃO




A INCORPORAÇÃO



Embora não faça parte do modo de contato com os habitantes das interdimensões, porém é muito conhecida entre nós da 3ª dimensão. Torna-se necessário mencioná-la aqui porque muitos a confundem como uma forma de contato e receiam por isso.



A incorporação é o modo mais conhecido por todos que vivemos nesta 3ª dimensão. Se dá quando um espírito desencarnado se apossa de um corpo de uma pessoa viva. Essa prática ainda é muito conhecida nas religiões espíritas.



Ocorre que a incorporação só existe na 3ª dimensão, onde é possível que espíritos desencarnados perambulem sem corpo por aqui.



Nas dimensões acima desta 3ª dimensão não é possível esses desencarnados permanecerem por causa da vibração energética mais elevada das outras dimensões. Pois que essas almas desencarnadas  vibram energias mais densas.



Com a elevação planetária, após 2012, essas almas desencarnadas estão saindo do planeta e poucas ainda permanecem por aqui devido ao processo de limpeza e conscientização por quê estamos passando.



Devido a elevação energética planetária, dentro de poucos anos não haverá mais o fenômeno da incorporação neste planeta. Por isso, aqueles que trabalham espiritualmente com a incorporação vão ter que se adaptar a nova realidade do planeta.



Um exemplo que me fez entender bem tal fato é que nunca ninguém incorporou Jesus e Maria, porque estes possuem corpo e  são habitantes vivos de outras dimensões.




A CANALIZAÇÃO



A canalização é uma forma de comunicação interdimensional com os habitantes de outras dimensões.


Ocorre por dentro de nós, seja através da tela mental, de uma voz interna que não é muito diferente da nossa voz, ou às vezes, ouvimos internamente a própria voz. Pode ser também transmitida a canalização através de blocos de pensamento.



Muitas vezes percebemos que alguém quer enviar uma mensagem, sentimos isso através da intuição, uma forte vontade de escrever algo sem interferência do pensamento, uma imagem mental ou uma história completa que vem na mente; ou ainda, por blocos de pensamento onde contatamos internamente algum habitante interdimensional e este, muita vezes sem falar nada, nos passa textos completos de forma telepática e onde entendemos rapidamente todo um texto de uma vez só. É como um texto que não lemos mas entendemos prontamente todo o seu conteúdo.



No bloco de pensamento que nos é enviado compreendemos a essência da mensagem que nos é passada.



Pelo motivo de estarmos recebendo a mensagem internamente e a essência do significado da mensagem que está sendo transmitida, esta forma de contato sofre influência do canalizador que a está recebendo. E quando o canalizador a escreve passa na mensagem a sua compreensão de acordo com os seus conhecimentos e vivencias. Por esse motivo, muitas vezes, para explicar a mensagem transmitida, cada canalizador pode escrever a mensagem de acordo com sua próprias vivências pessoais.

A maioria de nós ainda nos comunicamos interdimensionalmente através da canalização, onde o pensamento, a imagem se passam por dentro de nós em forma de contato interno.



Também é preciso saber que este modo de contato através da canalização vai terminar em breve. Passaremos a fazer contato diretamente por comunicação direta, através dos nossos sentidos físicos de audição, visão, tato e olfato.




A COMUNICAÇÃO



Muitas pessoas hoje já estão fazendo contato direto através da comunicação com os habitantes de outras dimensões. Isso somente está sendo possível devido a elevação planetária para dimensões superiores, facilitando o acesso interdimensional.



A comunicação acontece através da audição, do olfato, da visão,  do tato e da telepatia.  



Muitas vezes a pessoa escuta alguém falar direto no ouvido, a voz que fala não é da própria pessoa e pode ocorrer como que alguém estivesse realmente falando ao lado da pessoa, e está realmente. Pode também ocorrer da pessoa ouvir uma voz como estivesse escutando através de fones de ouvido ou como um rádio falando bem próximo. A pessoa sabe que não vem da sua mente ou imaginação porque não está atenta, muitas vezes, ao fato. Tais audições não ocorrem por dentro mas sim por fora do ouvido, é realmente uma outra pessoa  falando por fora do ouvido.



A comunicação visual se dá pela visão através dos olhos físicos. São luzes que aparecem ou piscam por perto, pode de se abrir um corredor à frente como se fosse um portal e a pessoa se vê dentro deste lugar. Pode ocorrer da pessoa ver algum habitante interdimensional e haver também contato físico de toque ou telepatia ou mesmo haver um diálogo.



Nestes contatos, muitas vezes, mas nem sempre, a pessoa pode sentir um perfume do outro ou do ambiente.




Dentro de alguns poucos anos não haverá mais a incorporação e a canalização no planeta. Só haverá a forma de comunicação para o contato.





COMO É A VIDA DOS HABITANTES DE OUTRAS DIMENSÕES




A vida nas outras dimensões, muitas vezes, se parecem com a nossa. Os habitantes de outras dimensões se alimentam, muitas vezes de líquidos gelatinosos, mudam suas roupas, usam enfeites, tomam banho, dormem, trabalham, possuem dias de folga para descanso, têm suas famílias, têm filhos, têm irmãos, pai e mãe, possuem suas próprias casas em seus lugares de origem, em seus planetas. Também possuem uma vida social, fazem comemorações, festas e reuniões.



Quando começamos a ter o acesso interdimensional, nós somos convidados a participar da vida cotidiana dos habitantes interdimensionais, e eles nos mostram coisas que nunca imaginamos que existissem.





A IDADE DOS HABITANTES INTERDIMENSIONAIS



Em se comparando ao tempo da Terra, o tempo para os habitantes de outras dimensões se passa mais devagar do que nós conhecemos. Para se ter uma ideia, existem dimensões onde cada ano de lá representa 3.800 anos da Terra.



Desta forma, podemos compreender que, mesmo que encarnássemos várias vezes neste planeta, os habitantes de outras dimensões estariam observando tudo isso e em pouco tempo de lá.



E, ao contrário, uma encarnação em dimensão mais elevada significa milhares de anos da Terra. 



Podemos, assim, concluir que os habitantes de outras dimensões nos conhecem desde quando éramos crianças por aqui. Por isso eles devem conhecer cada um de nós muito bem. 




COM QUEM DEVEMOS FAZER O CONTATO



Existem várias raças de habitantes de outras dimensões e de várias formas,  tamanhos e cores. Porém os mais confiáveis para nós aqui da Terra são os Pleiadianos.



Normalmente os seres Pleiadianos são amorosos e harmoniosos. Suas presenças trazem muita paz e um sentimento maravilhoso de amor incondicional.



Também é preciso esclarecer que os habitantes de dimensões elevadas não nos fazem qualquer tipo de contato se assim não quisermos. Eles nunca irão nos assustar de forma alguma e não tocam no nosso corpo, nem colocam implantes, nem chips, nem fazer cortes no nosso corpo. Eles apenas usam a Luz.



Também é preciso esclarecer que hoje em dia não existem mais abduções físicas, nem existem seres que venham nos importunar  de qualquer forma. Isso acontece porque estamos sendo protegidos pelo seres de dimensões elevadas que não permitem que esse tipo de contato aconteça mais. 




 O CONTATO INTERDIMENSIONAL



O 8º Chacra proporciona o acesso interdimensional e o contato com outras dimensões internamente. Porém, há a necessidade de ativá-lo, mesmo porque fomos condicionados a não usar todo o potencial do nosso veículo físico, o nosso corpo.



Após 2012, o Criador nos concedeu a todos os habitantes do planeta o 8º Chacra, e quem está hoje encarnado no planeta deve ativar esse chacra para se alinhar as novas energias.



Também é preciso ativar o chacra Timo, que é uma glândula física que é muito sensível a emoção. Essa glândula, o Timo, se expande a medida que vibramos na Luz e na energia do Amor Incondicional. E se contrai quando experimentamos energias emocionais mais tensas de raiva e tristeza.



Quanto mais Amor Incondicional ancorado em nossos chacras mais temos acesso a Luz, e mais expandimos a nossa consciência.



A seguir passo um exercício simples para fazer o veículo interdimensional, que muitos também chamam de merkaba. Com ele acessamos o nosso Eu Superior e o lugar onde podemos ir quando precisamos encontrar a solução de um problema, ou de uma orientação, e onde também acessamos e fazemos o contato com os habitantes de dimensões elevadas.



1 - Coloque as pontas dos dedos sobre o chacra cardíaco ( localizado no centro do peito um pouco mais abaixo), e sinta a pulsação do coração na ponta dos dedos.

Pronto, o chacra cardíaco está ativado.



2 - Coloque, em seguida, a ponta dos dedos no chacra laríngeo (localizado na tireóide,  no pescoço, a frente e embaixo), e sinta a pulsação do coração na ponta dos dedos.

Pronto, o chacra laríngeo está ativado.



3 - Coloque, a seguir, a ponta dos dedos no chacra pineal (localizado no meio na testa, acima das sobrancelhas), e sinta a pulsação do coração na ponta dos dedos.

Pronto, o chacra pineal está ativado.



4 - Agora pense no alto da sua cabeça, lá está localizado o chacra coronário. Imagine uma luz vindo do alto e entrando na sua cabeça, seguindo o seu caminho por dentro até o coração. 

Puxe essa luz com a respiração, inspirando a luz e imaginando-a chegando a coração e preenchendo todo o peito de Luz.



5 - Agora, pensa no chacra cardíaco e imagine que você chegou em uma sala, uma sala só sua e fique ali por alguns momentos. 


Faça nessa sala uma pergunta para a solução de algum problema ou uma orientação. Logo após terminar o exercício você receberá uma resposta.


Ainda nessa sala, perceba o que vê a sua volta, se tem cores, se é iluminada ou não, se alguém entra na sua sala.




Não há necessidade de ficar muito tempo fazendo esse exercício, pode ser apenas o tempo necessário para fazer o exercício. Alguns minutos, se quiser.


Faça todos os dias.


( Todos os créditos deste exercício ao site: unaversidade (Era de Cristal), e conforme o vídeo abaixo:









E lembre-se sempre : Não precisamos mais de mestres, Nós Somos Nossos Próprios Mestres!

Por : Sônia L Pereira


Publicação : Mostradores da Luz